Três dicas para quem está começando o curso de Direito

Olá colega primeiroanista de Direito, tudo bem?

Faz algum tempo tomamos a mesma decisão de nos aventurarmos nesta carreira jurídica e tem algumas coisas que eu gostaria que tivessem me dito no meu primeiro ano, então vou ser linda e dividir as três mais importantes com vocês.

Não perca a OAB de vista

Quando entramos na faculdade de Direito já sabemos que ao sairmos, ou até mesmo um pouco antes, o grande divisor de águas será a Prova do Exame de Ordem, obrigatória para exercer a profissão de advogado. Então, meu conselho é, tenha sempre a prova no seu horizonte.
Ela não é um monstro que vai surgir apenas no último ano quando tudo já está mais difícil pra te atormentar, ela sempre esteve aí, sendo feita algumas vezes ao ano…
Esteja atualizado com as mudanças do Exame, com o que é cobrado, faça simulados de vez em quando…
O Exame não é algo que você vai se preparar em alguns meses para fazer a prova, é algo que, ao longo dos seus cinco anos de formação você estará se preparando.

Tenha um Vade Mecum!

O Vade é a sua ferramenta de trabalho na segunda fase do Exame de Ordem. É a única coisa que você poderá consultar. Por mais que eu tenha feito a maior parte da minha graduação utilizando aplicativos digitais e odeie com todas as forças carregar peso me arrependo de não ter comprado logo no primeiro semestre um vade compacto para ser meu companheiro.
Grife sem dó artigos e trechos importantes, utilize etiquetas e clips… Tudo que te traga mais familiaridade.
No meu curso, uma professora perdeu uma aula nos ensinando a manusear este instrumento, é muito importante. Pretendo fazer um post a respeito pois imagino que nem todos façam o mesmo.
Você vai precisar de um vade novo quando for prestar o Exame, até lá, se não houverem mudanças gritantes na legislação não há necessidade de comprar outro.
Pela praticidade e leveza eu recomendo os modelos compactos, mesmo não tendo todas as legislações é suficiente para que você se familiarize.

Estagie o quanto antes!

Se você começar a estagiar cedo vai poder passear por entre os ramos do Direito e ver de perto qual mais lhe agrada além de ter vivência do dia a dia profissional já que muitas vezes a teoria difere da prática.
Mesmo que no seu estágio no início você passe a maior parte do tempo fotografando processos e levando as fotos para o escritório (eu sei, todos passamos por isso) aproveite seu tempo com o processo, leia o que puder… Novamente, você está iniciando uma jornada, muita coisa será desconhecida, mas é lendo e se familiarizando que se desbrava esse mundo!
Além disso, toda faculdade tem como requisito horas obrigatórias de estágio, já verifique o que você vai precisar e a partir de quando estas horas e atividades podem ser contabilizadas.
A maioria das faculdades tem um núcleo de prática jurídica. Se informe.

Espero que as dicas lhes sejam úteis, aos veteranos que pensarem em mais coisas os comentários estão abertos.